João Salto

João Salto

O PRINCÍPIO...

Minha foto

A E. M. "João Salto" foi criada pela lei municipal n.º 353, de 25/10/60, pelo prefeito João Salto, autoridades constituídas e demais políticos daquela época, que verificaram a evasão dos jovens que buscavam em outras cidades campo para sua formação profissional. Deu-se o nome de "Escola Técnica de Comércio Municipal de Laranjal Paulista", iniciando suas atividades em um prédio no Largo São João. Depois desempenhou suas atividades no então "Grupo Escolar Quinzinho do Amaral" e em 1968 passou a funcionar no prédio atual. Em 1976, atendeu pelo nome de “Colégio Comercial Municipal de Laranjal Paulista”; em 1977, “Colégio Comercial Municipal “João Salto”; em 1980, Escola Municipal de Primeiro e Segundo Graus “João Salto”; em 1999, Escola Municipal de Ensino Fundamental e Médio “João Salto”; a partir de 2001 até os dias atuais, atende pelo nome de Escola Municipal “João Salto”. Todo ano letivo traz o conhecimento para mais de mil alunos matriculados no ensino fundamental e médio.

UM ESPAÇO A MAIS PARA A NOSSA COMUNICAÇÃO

Disponibilizamos um e-mail para que você possa nos enviar suas fotos, videos, mensagens, dúvidas e outras coisas que possam ser divulgadas no blog ou respondidas. Nos mande a foto ou video que você tem do passeio em classe, alguma matéria que interesse aos seus amigos, algum fato importante... você pode colaborar com a divulagação neste blog. Pedimos que as mensagens enviadas sejam devidamente identificadas e que esteja escrito a autorização da divulgação. Segue o endereço:
emjsalto@gmail.com

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

REUNIÃO IMPORTANTE PARA OS ALUNOS DO 1º ANO DO ENSINO MÉDIO.

Estaremos realizando uma reunião nesta quarta-feira, às 19 horas, no salão nobre da escola, com os alunos do 1º ano do ensino médio e seus pais. É muito importante a presença de todos, pois será devidamente explicado como será o novo ensino técnico, onde poderão ser tiradas as dúvidas e ser avaliado qual o melhor caminho seu filho(a) ou o aluno(a) poderá tomar nos próximos três anos. Não deixe de comparecer.